Motivos para evitar o sal em excesso

Olhando superficialmente parece quase impossível eliminar o sal da nossa dieta – e é impossível mesmo! Ele é o responsável por dar sabor a grande parte dos nossos alimentos. Mas o problema não está em usá-lo, mas sim no fato de abusar de sua quantidade no preparo das refeições e nos produtos industrializados e isso pode acarretar em consequências severas para o organismo. Vamos explicar melhor agora como a sua saúde pode sair afetada para te inspirar a evitar o sal em excesso.

Retenção de líquidos

O sal é um ingrediente que possui uma substância que faz muito mal para o organismo: o sódio. O seu consumo excessivo faz com que o corpo retenha líquidos, o que ocasiona diversas consequências prejudicais. Uma delas é a insuficiência renal – uma vez que o sangue fica mais volumoso por causa dos líquidos, a função dos rins de filtrá-lo fica cada vez mais difícil, sobrecarregando-os.

Desenvolve hipertensão

Outra consequência ruim da retenção de líquidos é o aumento do risco de hipertensão. Com os fluidos em maior volume nos vasos sanguíneos há maiores chances de desenvolvimento de doenças cardíacas, como a hipertensão, que pode acarretar em acidentes vasculares cerebrais e ataques cardíacos.

Ganho de peso

Com o corpo cada vez mais carregado de líquidos por causa da grande quantidade de sódio, o aumento de peso acaba se tornando muito rápido e fácil. Isso acontece porque o organismo fica mais inchado e também porque suas funções digestiva e renal ficam afetadas.

E para evitar o sal consumido em excesso, tente não deixar o saleiro na mesa durante as refeições – isso diminui as chances de você abusar dele na sua comida -, diminua o consumo das comidas industrializadas e use mais temperos no preparo dos alimentos para trazer mais sabor.

 

Fontes: M de Mulher, Vix, Drauzio Varella.